Cobertura Anime Friends Tour - Rio de Janeiro!

July 8, 2019

 

 

Organizado pela Maru Division, o Anime Friends Tour ocorreu no espaço Riocentro, já bem conhecido aqui pelos cariocas como o maior centro de convenções da região, localizado na Avenida Salvador Allende, na Barra da Tijuca. Uma boa escolha, considerando o tamanho e a importância do mesmo – o Riocentro é espaçoso e abriga eventos bem conhecidos, como a Bienal do Livro, por exemplo.

 

 

Apenas um pavilhão do Riocentro foi utilizado, o que não significa que não dava para se cansar lá dentro, viu? Logo na entrada, onde se encontrava a bilheteria, nos deparamos com um palco muito bem iluminado – onde, logo depois, descobrimos ser o palco principal – na parte externa do evento, com a praça de alimentação. Seguindo em frente, entramos no Pavilhão Vermelho, que era onde estava o evento em si.

 

Para os amantes da cultura pop japonesa que não podiam se deslocar até outro estado para curtir um Anime Friends, foi um prato cheio. Crianças, adolescentes, adultos e idosos puderam desfrutar dos mais variados produtos e temas, desde um desfile cosplay até as apresentações icônicas de Ultraman Heroes (que foi um escândalo de incrível!), entrevistas com dubladores da Crunchyroll que dublaram Darling in the Franxx, puderam testemunhar a mítica união de Manabu e Jiraya, que apareceram juntos pela primeira vez, dentre muitas outras coisas maravilhosas. Nós, da Liga das Garotas, estivemos batendo perna por lá e viemos aqui contar para vocês tudo o que aconteceu.

 

Os stands

 

 

Os stands com itens à venda eram as primeiras coisas com as quais nos deparávamos ao entrar no pavilhão do evento: muitos mangás, touquinhas, acessórios diversos, um stand de doces e refrigerantes vindos do Japão. As action-figures deixavam qualquer um apaixonado e querendo leva-las para casa, bem como os funkos e os outros itens colecionáveis diversos. Haviam stands vendendo espadas decorativas/para cosplay, colares, plaquinhas das mais diversas temáticas, ímãs de geladeiras... Mesmo em apenas um pavilhão, era muita, muita coisa!

 

Os stands de venda não eram os únicos a chamar a atenção no evento. Haviam também stands de jogos, como o de Just Dance e o da Zion. Logo na entrada você podia encontrar uma galera dançando k-pop em um outro stand, e também tinham os stands experienciais: no de Harry Potter, por exemplo, você podia cuidar das mandrágoras, passear por um cenário incrível montado à semelhança do universo dos bruxinhos e ainda jogar um jogo de tabuleiro gigante. Um stand comemorativo dos 20 anos de Pokémon trazia toda a nostalgia da história dos monstrinhos no Brasil (e sim, confesso, esse stand me deixou emocionada. É a minha infância, gente!).

 

 

 

 

 

 

 

Se você queria algo mais épico, poderia se aventurar no stand de lutas da Batalha Campal, onde batalhas medievais eram travadas (com armas de mentira, viu? Era tudo espuma!). Havia também a área dos board games, onde o pessoal poderia sentar-se à vontade e curtir seus jogos favoritos com a galera.

 

 

 

Vimos muitos cosplays. Muitos mesmo! Animes, Disney, filmes... Crianças, adultos, todas as pessoas. Cosplay não tem idade, não é mesmo? E vale lembrar que havia um stand que possibilitava o cosplayer tirar uma foto mais profissional, com um fundo monocromático.

 

A Artist's Alley

 

 

A Artist's Alley dos eventos é sempre um show à parte. Encontrar artistas independentes e deparar-se com suas artes é uma maravilhosa surpresa: eles colocam ali sua alma, sua paixão e seu estilo, deixando cada página ou traço únicos.

 

Lá pudemos nos deparar com artistas de diferentes estilos. Pegamos o contato de alguns, então não deixem de seguí-los, hein?

 

LunchTime

Shan

ArtShape

Indie Visivel

Quadrinhos Ecléticos

A Lenda de Bóia

Mariana Queiroz

Pedro Alvarez

Redfox Studios

Thiago Radice

Rabiscos Enquadrados

Skulldragon

Urso Pera

T. S. Carmo

Bi Aguiart

Deborah Rodriguez

Luisa Bié

Luísa Leal

Michel Mims

Bernardo Curvello

Sarah Chibi

 

 

E se você estava participando da Artist's Alley e não está nesta listinha, manda mensagem pra gente! Incluiremos seu nome com o maior prazer!

 

O palco principal

 

 Ultraman Heroes no palco principal

 

O palco principal estava localizado logo na entrada do evento, e foi um local bem especial. A iluminação e o espaço estavam boas, e as pessoas podiam ficar tanto de pé, próximas ao palco para aproveitar sua atração favorita, quanto sentadas mais para os cantinhos. Havia também aqueles que preferiam ficar mais afastados, sentados nas cadeirinhas da praça de alimentação – por ser um lugar mais elevado, também dava uma vista bem legal do palco!

 

 Concurso cosplay

 

Atrações como Ultraman Heroes, que trouxe Ultraman, Ultraman Zero e Ultraman Greed para salvar o Rio de Janeiro da invasão dos alienígenas; Yumi Matsuzawa, cantora que deu vida à aberturas e encerramentos do conhecidíssimo anime Cavaleiros do Zodíaco - Saga Hades; Lady Lemon, a cosplayer internacional que foi jurada do campeonato que rolou ao vivo; o Shouhei Kusaka em pessoa, mais conhecido como o Policial Jiban e o Kaminin Oruha da série Jiraya; o dublador Guilherme Briggs; Snowkel, que fizeram uma das aberturas de Naruto, dentre muitos outros artistas renomados fizeram o evento memorável.

 

 Guilherme Briggs

 

O auditório Anime

 

Dubladores de Darling in the Franxx pela Crunchyroll

 

No auditório Anime, houveram diversas palestras sobre os mais variados temas. Pudemos ouvir Eduardo Miranda falando sobre os tempos áureos da TV Manchete e como foi trazer os animes de renome para o Brasil, bem como saber como é o processo de dublagem de animes com o pessoal do Crunchyroll, que fez a dublagem da primeira temporada do anime Darling in the Franxx. O encontro lendário de Jiraya e Manabu ocorreu dentro daquelas paredes, para a alegria dos fãs ali presentes. O papo nerd com elas nos revelou como o mercado de animes faz uso do streaming. Nomes importantes como Yumi e Snowkel também apareceram por lá, batendo um papo amigável com os fãs em um clima bem descontraído.

 

 Eduardo Miranda

 

Os cosplays estavam sensacionais, o stand de Just Dance irradiava uma energia contagiante... Definitivamente aprovamos o Anime Friends Tour! O evento, em si, não foi grande como estamos acostumados quando vamos para São Paulo. Contudo, devemos lembrar que esta é a primeira vez que o Anime Friends sai das terras paulistas e vai para outro estado. O público é diferente, a recepção é diferente. Esperamos que o evento se repita em outros anos aqui em terras cariocas (e, quem sabe, em outros estados?), com mais atrações e novidades.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Recentes

November 6, 2019

Please reload

Destaques
Please reload