BlueHole aprimora suas ferramentas de anti-cheat em Playerunknown's Battlegrounds

November 8, 2017

 

Na semana passada, a BlueHole havia anunciado que iria pegar pesado com os cheaters em PlayerUnknown’s Battlegrounds a partir dessa semana.
Para que pudesse ser feito isso, a companhia deixou o jogo offline por um período de tempo e assim melhoraram os servidores, para que o anti-cheat do jogo não deixe mais falhas, e possa ser mais eficaz.


Antes de mais nada, nós gostaríamos de pedir nossas sinceras desculpas aos problemas causados a vocês por cheaters. Nós sentimos por quem não pode aproveitar PUBG de maneira correta e segura. Nosso time de desenvolvimento está fazendo o melhor que pode para detectar e banir aqueles que usam cheats uma maneira mais proativa”.


Eles não informaram que medidas que foram tomadas para combater os trapaceiros, mas como já esperado, anunciaram que tem banido permanentemente todos que são pegos fazendo uso de algum modo de trapaça.


Também anunciaram que o episódio vai se repetir agora na próxima semana, sendo feitas novas atualizações para que o anti-cheat seja ainda mais eficaz.
Infelizmente temos notado cada vez mais cheaters no jogo, fazendo com que isso atrapalhe a gameplay, porém, com o pronunciamento da BlueHole, podemos ficar mais tranquilos e informados que tudo esta funcionando para que os trapaceiros sejam banidos.
É importante frisar que, no final de uma partida no qual vimos ou desconfiamos de algo que possa parecer um método de trapaça, devemos sempre lembrar de denunciar o jogador em questão, porque assim podemos informar alguma atividade suspeita no player, e caso for realmente provado que ocorreu algum cheat na conta, o jogador poderá ser banido, assim fazemos nossa contribuição para que a comunidade finalmente esteja livre das pessoas que usam de trapaças.


Lembrando que o jogo por enquanto está disponível somente para PC, mas em dezembro será disponibilizado para a plataforma Xbox One.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Recentes

November 6, 2019

Please reload

Destaques
Please reload